sábado, 14 de março de 2009

Sempre ela...


Pensando que podia não pensar,me vejo em mais um clichê...terá solução tragédias que envolvem algo que me foge ao controle?Presente nas duas faces da moeda,ora protagonista,ora coadjuvante,em meio a tantas dúvidas,mil amores e pesares me retiram do universo que projetei,e eu?!Voo...voo para onde não sei!Tanto equilíbrio já não me é suficiente,vejo uma trapezista fora de forma na corda bamba.Com um vazio no peito(ou seria na cabeça?) acredito me bastar,e o relógio segue seu rumo sem ao menos perceber minha presente angústia.E faço caras que não quero,digo coisas que não sinto,sustento teses facilmente desmentidas com a tua presença...Faço uma interpretação favorável a mim,finjo não perceber o que os teus olhos gritam,ouço música ao som das sirenes...Ah!Se me fosse possível a escolha,escolheria a calma,a mansidão,a reciprocidade...o que me vejo é optando pelo tumulto,pela dúvida,sempre ela.

6 comentários:

  1. Bruna Duarte15/3/09 08:56

    Primeiro comentáriooo!
    Lindo e profundo! :O
    Agora siiiim eu posso copiar!
    :P
    :*

    ResponderExcluir
  2. Finalmente criou seu Blog, neh mocinha!?
    Sou extremamente suspeita de falar, mas AMEI o texto [sempre soube de sei potencial] e a imagem então.. parece a própria Carol Ferraz com uns 12 anos a menos!!!
    Sabe que te amo, neh!?
    ;x

    ... Ainda bem que você vive comigo, porque senão o que seria de mim??

    ;***

    ResponderExcluir
  3. Carolzinha!
    adorei o texto, muito intenso!
    escreves muito bem!!

    beijooooo

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Um belo texto, carolzinha...
    Que as palavras sempre te sejam leves...

    =]

    ResponderExcluir
  6. Lembrei de Cecília agora:
    "Quando eu não pensava em Ti,
    os meus olhos erravam,
    distraídos e felizes,
    pela paisagem toda..."

    kkkkkkkkkkkkkkkkk
    Quer saber? Não projete universos, projete-se neles é muito mais emocionante.

    "E faço caras que não quero,digo coisas que não sinto,sustento teses facilmente desmentidas com a tua presença..." Equilíbrio?! Bom mesmo é ser desequilibrada! kkkkkkkkkkkkkkkk

    Beijos meus ;@

    ResponderExcluir